domingo, 25 de abril de 2010

Oração para a Vida.

O Teatro Mágico

"Há manhãs que me trazem o medo
De ter de perto de mim alguém
Quanto aos prantos me vejo sozinho
Que sei que aqui no mundo espero Alguém.

Alguém que...
... Que me faça esperar pelo agora!

Pássaro canta, a flor floresce ao dia
Bem ouvido para quem acorda o céu
Quantos rostos o acaso me traz
O momento relento da minha oração.

Horas são
Horas vão
Horas são
Poeta que brinca de pega-pega
Te busco em minha composição.

Tua saudade
Que fosse metade minha
Que me encontrasse
Como as horas encontra o dia.

Poeta que brinca com a dona esperança
Por que a vida é o coletivo das horas que são pro dia.
"

Aguardo-te!

3 comentários:

Juan Moravagine Carneiro disse...

Ah! O poeta dançando com suas palavras em meio ao cotidiano...


...A imagem me fez lembrar Banksy!


abraço

Por Ele. disse...

É esse Poeta dançando no hoje e que também virá amanhã...

Ah, é Banksy.

Open eyes disse...

O Poeta que dança diz: "Eu não ligo pro seus passos errados que ferem meus pés" o que ele mais quer é ter.. por perto